.

.

09 janeiro 2009



Para que a minha vida fosse melhor
pedi um pouco da tua luz
um pequeno gesto pousado

e deixei-me cair no teu coração
sem braços sem corpo sem nada
apenas a minha alma

e depois deitei-me a teu lado
como fazem os pássaros
quando morrem.

e ficaram rosas...

http://aluzdovoo.blogspot.com

10 comentários:

meus instantes e momentos disse...

passando aqui para te desejar uma bela semana.
Maurizio.
* belissimo post, parabens.

Luísa disse...

"Que trazeis no regaço?
São rosas, senhor"

Que todas as entregas sejam de amor e recheadas de afecto!

Belo poema!

Deixo um beijo cheio de neve...e muito frio, claro! O norte de Portugal está vestido de Branco!

Maysha disse...

As rosas dão sempre perfume à nossa vida.
Agradeço a visita e desejo um bom fim de semana.
Voltarei, até lá deixo-lhe um beijo de luz

MPereira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pico minha ilha disse...

Nas rosas o mais puro de todos os gestos.Bom fim de semana Sónia.Beijinho

Branca disse...

Adoro essas fotos...
Bom fim de semana pra ti,
bjo carinhoso,
Branca.

Vieira Calado disse...

"um pouco de a (...) luz"

É sempre o que todos precisamos.

Bjs

Eu disse...

Então... o amor ainda é um combustível essencial para que a vida siga seu destino!
"Ainda que falasse a lingua dos homens e dos anjos... se não hovesse amor, eu nada seria!"
Um lindo final de semana para você, com muito amor!
Beijinhos

Marta Vasil disse...

As cumplicidades sempre devem existir no amor, tenham elas o perfume que tiverem. Se for de rosas... tanto melhor.


Beijinhos

MV

Palavra_por_Palavra disse...

Da alma o mais profundo amor,que floresce todos os dias

Beijos

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.