.

.

07 fevereiro 2009


Quero omitir
o que não te disse
no desrespeitar
nas longas esperas
dos faltosos encontros
quero omitir
as fúteis palavras
por mim emitidas
quero omitir
a amargura dos verbos
soletrados sem sentido
quero omitir
porque vamos recomeçar
trilhando os caminhos
nas procuras do mar

poema: poetaeusou

12 comentários:

Monday disse...

eu não omitira ... mas recomeçar as vezes vai bem ...

rouxinol de Bernardim disse...

Recomeçar é preciso!...

Quando chega a crise... ela impõe-se a tudo o resto! há que a deixar pra trás das costas!...

FERNANDA & POEMAS disse...

QUERIDA SONIA, MARAVILHOSO POEMA DO NOSSO AMIGO POETAEUSOU... A FOTO TAMBÉM ESTÁ MUITO BONITA...
DEIXO-TE UM PEQUENO PENSAMENTO NESTE FIM DE SEMANA:

DO CÉU CAIU UMA ESTRELA!
DO MAR VEIO UMA GAIVOTA!
TODAS AS MENSAGENS ERAM IGUAIS...
TODAS FALAVAM DE PAZ E AMOR!...

BEIJINHOS DE CARIBNHO E TERNURA,
FERNANDINHA

Luiz Caio disse...

Olá amigos!
Estou passando rápidamente para comunicar-lhes que estou sem net desde quarta feira (dia 4) por isso estou ausente! Mas assim que o problema for solucionado colocarei tudo em ordem novamente...

Obrigado pelas visitas e pelos comentários que me deixou!

Um grande abraço, e um ótimo final de semana!

Antonio Paulo disse...

Sonia boa tarde passando aqui mesmo sem seu aceite ouso dizer que naveguei nesse mar ao som dessa música que encanta. E ouso dizer que as vezes temos mesmo que omitir.

por mares navegamos
em sonhos embalados
encontrando na poesia
corações naufragados.

elvira carvalho disse...

Um belo poema, emoldurado por uma bonita foto. Gostei.
Aliás todo o seu blog tem belas fotos.
Um abraço e bom fim de semana

Ana Martins disse...

Belíssimo Sónia!!!!
Também gosto muito dos poemas de Poeta Eu Sou.

Beijinhos,
Ana Martins

Daniel Costa disse...

Sonia

Estás de parabéns por selecionares um bom poema do colega Poetaeusou. De facto, sou admirador da sua poesia e das fotografias, que apresenta do bonito mar da sua terra, Nazaré.
Daniel

M..... disse...

Olá

o mar... mar é lindo...
o mar para mim tem 3 significados, e que eles sao a vida, a morte, e o renascimento.

gostei muito do seu poema e dos restantes...

se quiser, visite o meu tambem:

http://m-pensamentos.blogspot.com/

Fernando Santos (Chana) disse...

Excelente...
Beijos

Baby disse...

Às vezes vale mais omitir, outras vezes não, para se recomeçar do zero...de qualquer modo um belo poema, tal como o que me deixaste no Barlavento, da autoria do Drumond. Obrigada.

Beijinhos.

Baby disse...

Às vezes vale mais omitir, outras vezes não, para se recomeçar do zero...de qualquer modo um belo poema, tal como o que me deixaste no Barlavento, da autoria do Drumond. Obrigada.

Beijinhos.

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.