.

.

26 dezembro 2010

Avesso




Pode parecer promessa
mas eu sinto que você é a pessoa
Mais parecida comigo que eu conheço
Só que do lado do avesso
Pode ser que seja engano, bobagem ou ilusão
De ter você na minha
Mas acho que com você eu me esqueço
E em seguida eu aconteço
Por isso eu deixo aqui meu endereço
Se você me procurar eu apareço
Se você me encontrar
Te reconheço...

Alice Ruiz




20 comentários:

Maria Dias disse...

Bonito e profundo sua postagem...

Feliz 2011!

Maria Dias

SAM disse...

Sonia,

as fotos são lindas e adoro Alice Ruiz! Brilhante!


Um Novo Ano Feliz! Beijos com carinho.

Iana disse...

Recebi de uma amiga e amei, divido com você e para todos nossos amigos!

Encerra-se mais um ano em sua vida...
Quando este ano começou, ele era todo seu.
Foi colocado em suas mãos...
Podia fazer dele o que quisesse...

Era como um Livro em Branco, e nele você podia ter um poema, um pesadelo uma blasfêmia, uma oração.


Podia... Hoje não pode mais, já não é seu.É um livro já escrito......Concluído...
Como um livro que tivesse sido escrito por você, ele um dia lhe será lido, com todos os detalhes, e não poderá corrigi-lo.
Estará fora de seu alcance.

Portanto... Antes que termine este ano, reflita, tome seu velho livro e folheie com cuidado...

Deixe passar cada uma das páginas pelas mãos e pela consciência;
Faça o exercício de ler a você mesmo.
Leia tudo......

Aprecie aquelas páginas de sua vida em que usou seu melhor estilo.
Leia também as páginas que gostaria de nunca ter escrito.

Não.......Não tentes arrancá-las. Seria inútil... Já estão escritas.
Mas você pode lê-las enquanto escreve o novo livro que será entregue

Assim, poderá repetir as boas coisas que escreveu, e evitar repetir as ruins.

Para escrever o seu novo livro, você cantará novamente com o instrumento do livre arbítrio, e terá, para preencher, toda a imensa superficie do seu mundo.
Se tiver vontade de beijar seu velho livro, beije.
Se tiver vontade de chorar, chore sobre ele e, a seguir, coloque-o nas mãos do Criador.
Não importa como esteja...


Ainda que tenha páginas negras, entregue e diga apenas duas palavras: Obrigado e Perdão!!!

E, quando o novo ano chegar, lhe será entregue outro livro, novo, limpo, branco, todo seu, no qual irá escrever o que desejar...


FELIZ LIVRO NOVO

Beijo da rosa amiga
Iana!!!

PS: Desculpa-me, mas, não tive tempo de desejar feliz Natal :(

Glória Müller disse...

Olá Sônia!
Com poucas palavras ela conseguiu dizer tanto... Que maravilha!
Beijos e um Feliz 2011!
Glória

tossan® disse...

Lindo poema, prece o avesso do avesso! Lindas fotos. beijo

Ricardo Miñana disse...

Que pases unas felices fiestas y que la armonía, la paz y la felicidad entren en tu hogar.

un abrazo.

Sotnas disse...

Olá Sônia, desejo que tudo esteja bem contigo!
Belas imagens e um belíssimo texto de Alice Ruiz,
pois é, o amor te as suas várias formas de ser, apenas sabemos quando é, mas, não escolhemos a forma que terá, quando o sentimos se nos agrada vivemos se não nos completa não vivemos, é assim! Além de belos são textos inteligentes, os de Alice.
Desejo pra você e todos ao redor tudo de iluminado sempre, agradeço pela visita e comentário, e também os votos de boas festas, grande abraço e até mais. Obrigado pela amizade!

vitorchuvashortstories disse...

Olá, Sonia!

Bonito jogo de palavras, sobre o direito e o avesso, e de como os contrários às vezes se encaixam tão bem...

Uma abraço amigo, com os votos de um Feliz Ano Novo.
Vitor

http://vitorchuvashortstories.wordpress.com/

Déia disse...

Que lindo!! Adorei!!

Que venha o ano novo!

bj

SolBarreto disse...

Adorei!!
E as imagens entao...formam com o poema uma harmonia...

Menina da Lua disse...

Desejo um 2011 maravilhoso a vc querida, as suas fotos me inspiram muitos, são maravilhosas e falam por si...abraços

Rosa Carioca disse...

Direito e avesso; concavo e convexo; completam-se!!!

Sonhadora disse...

Minha querida

Passando para agradecer os votos de Boas Festas e deixar desejo de um Feliz 2011, cheio de amor e paz.

Beijinho
Sonhadora

Amor feito Poesia disse...

Ao passar por um jardim
Lembrem-se do silêncio das rosas
Suas lágrimas são as gotículas de orvalhos
E seus perfumes são para abençoar e proteger você.

Que as rosas perfumem sempre a sua vida...

Débora Neves

Beijo-te a alma e o coração! M@ria

M@ria disse...

"Nós abriremos o livro. Suas páginas estão em branco. Nós vamos pôr palavras nele. O livro chama-se Oportunidade e seu primeiro capítulo é o Dia de ano novo."

(Edith Lovejoy Pierce)

Feliz 2011 prá voce e o seus!!
Paz e alegrias para todos...M@ria

M@ria disse...

"Nós abriremos o livro. Suas páginas estão em branco. Nós vamos pôr palavras nele. O livro chama-se Oportunidade e seu primeiro capítulo é o Dia de ano novo."

(Edith Lovejoy Pierce)

Feliz 2011 prá voce e o seus!!
Paz e alegrias para todos...M@ria

Nilson Barcelli disse...

Fizeste uma boa escolha poética.
As fotos são belíssimas. Gostei de tudo.
Querida amiga, desejo-te um 2011 cheio só de coisas muito boas.
Beijos.

Nanda Assis disse...

.
Felizzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
__000000____0000000________0000______0000
_00000000__000000000______00000_____00000
_00____00__00_____00_____00__00____00__00
______00___00_____00____00___00___00___00
_____00____00_____00_________00________00
____00_____00_____00_________00________00
___00______00_____00_________00________00
_00000000__000000000_________00________00
0000000000__0000000__________00________00
____________________0|0__________________
____________________0|0__________________
____________________0|0__________________
_______000_______________________000_____
________00_______________________00______
_________00_____________________00_______
__________00___________________00________
____________00_______________00__________
______________000000000000000____________
________________00000000000______________

Raquel vicente disse...

Olá, passei e adorei o poema

Feliz novo ano

www.raquelvicente3.blogspot.com

terá lido os livros que eu li?

Lu disse...

Que lindo!

Amei as fotos.
Muita PAZ pra você! E 2011 de muitas realizações* TUDO DE BOM!!!!

Abraços!

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.