.

.

20 março 2009


Chegou a hora do adeus
Nós já viramos essa página
Separe tudo que for seu
Me deixa apenas nossas lágrimas
De repente eu me tornei
Um estranho pra você
Dói no meu coração
Dói no seu coração
Não há nada que vá nos prender

Vou apagar de vez
Cada passo teu
Que eu só vou me curar
Quando eu disser adeus
Amanhã talvez
Longe em outro lugar
Tudo vai passar
Quando eu disser adeus
Quem sabe a vida vai mostrar
Os sonhos que nós dois perdemos ...

Guarde o melhor de mim
Que no meu peito eu vou te guardar
Vai ser melhor assim
Vai ser melhor pra mim
Um dia a gente vai se perdoar.

LS Jack

4 comentários:

Marta Vasil disse...

Sónia

Passo apenas para te desejar um fim de semana de muito amor, longe de tudo o que o poema publicado deixa ver.

Beijinho

MV

Arantza G. disse...

El olvido es la mejor cura para un corazón herido, ¿para que guardar ese amor dentro si ya dejó de serlo?
Un beso.

Luísa disse...

Guarda apenas o que te fizer sentir feliz.Tudo o resto é melhor reciclar para não mais sofre...
Um olhardeperto sente-te triste, em despedida de alguém...Devo ficar preocupada?
Beijinho terno!

O mar me encanta completamente... disse...

Oi Soninha!
Sabe qual é a melhor coisa da internet?
É que aqui, as pessoas podem conhecer sua alma,
antes de conhecer seu rosto.
Nós dividimos pensamentos, sonhos, planos.
Não nos julgamos,nem condenamos, apenas buscamos
e oferecemos mãos p ajudar.
Trocamos afeto e abraços não é?
É isso o que vim fazer.
Te abraçar e parabeniza-lo pelo dia do Blogueiro.
Sou feliz por ter te encontrado.
Beijos..

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.