.

.

22 maio 2009

Memória


Amar o perdido
deixa confundido
este coração.

Nada pode o olvido
contra o sem sentido
apelo do não.

As coisas tangíveis
tornam-se insensíveis
à palma da mão

Mas as coisas findas
muito mais que lindas,
essas ficarão.

Carlos Drummond de Andrade

30 comentários:

Pelos caminhos da vida. disse...

A glória da amizade não é só a mão estendida,nem mesmo o sorriso carinhoso,nem mesmo a delícia da companhia.
É a inspiração espiritual que vem qdo você descobre que alguém acredita e confia em você.

Obrigada pela sua visita,seu poema.

Fim de semana iluminado amiga.

beijooo.

AC Rangel disse...

Vc tem muito bom gosto. Carlos Drummond de Andrade. Parabéns. E obrigado pela visita tão simpática. Voltarei sempre aqui.
Beijo

E.Rakowski disse...

Drummond... eterno Drummond!
Desejo um maravilhoso final de semana..
Abraço!!!

;)

Adrisol disse...

hermosa entrada para hoy!!

sábes que me gusta pasear por tu espacio...tan lleno de buenas imágenes y profundos textos!

gracias por compartir.

un abrazo y buen finde

Sônia Brandão disse...

Querida amiga,
é sempre gratificante visitar o seu blog, são muito boas as suas escolhas.
Uma delícia a sua visita. Obrigada.
Tenha um ótimo final de semana.

Bichodeconta disse...

Lindo poema minha querida, permita-me que assim a trate..Suas palavras e fotos são deliciosas.Há lá forma melhor de começar o dia? Obrigada pela partilha..Um beijinho e o desejo de bom final de semana..

©tossan disse...

Um texto
é o olhar da alma
encontradas por quem escreve,
com os abraços das palavras,
avistado na utopia
ou na realidade!
tossan

Bom fin de semana.
Beijo

A.Tapadinhas disse...

Há coisas que ficam na nossa memória, como por exemplo, um pôr do sol apreciado em toda a plenitude num passeio de barco...

Bom fim-de-semana.
António

Brancamar disse...

Obrigada pela sua visita. Gostei imenso de vir por aqui, onde encontrei fotografias maravilhosas e belíssimos poemas.
Vou passando.
Um abraço para si.

Bandys disse...

Obrigada perlo recado la no blog sobre amigo, saibas que voce tambem é uma grande amiga!

Carlos Drummond de Andrade é sensacional, adoro!

Meg disse...

Obrigado Sónia pela visita ao meu Blogg e pela linda e profunda reflexão que lá postou.
Também sou fã de Drummond de Andrade. Como ele também entendo a vida como a lembrança do que restou de belo, enquanto o futuro incerto não nos surpreende.
E os amigos, poucos, mas bons, serão sempre o nosso grande estímulo, a nossa razão de ser, sem nos cobrar nada, porque todos somos frágeis, erramos, perdemos, porém, desde que nos apoiem com tolerância e ajuda, seremos à nossa maneira, mais felizes.
Bom sábado1
Abraço grande
Meg

Eduardo Aleixo disse...

Gosto sempre de visitar-te. Bom fim de semnana.

i ILÓGICO disse...

drummond...

soninha, obrigado pelas palavras!

bju-te

Alda disse...

Lindíssimo poema e foto!

Agradeço a sua visita ao meu cantinho, e o belo poema com que me presenteou.

Um beijinho
Alda

Patrícia Lara disse...

Olá!

Os ventos me trouxeram até aqui, depois de muito navegar por esse marzão virtual... rs

Simplesmente adorei! Belos poemas e lindas imagens!

Voltarei mais vezes...
Beijos

Patrícia Lara

Maria Valadas disse...

Olá minha querida,

Uffa!!!

Tem sido dificil comentar e não aceita. Certamente que sou eu que estou a fazer algo de errado.

Oxalá... que este comentário, siga o seu destino... para lhe dizer que o seu espaço é lindo e que escolhe com muita sensiblidade os poetas e respectivas poesias.

Bom fim de semana e...

Beijinhos.

Gabriela Castro disse...

Olá! Vim retribuir a visita!
Quem tem amigos tem tudo, com certeza!
Beijão

Iana disse...

Amiga querida... :)

Pode ter certeza que agradeço a Deus, pelos amigos/as que são a minha maior alegria e força positiva...

Como diz a canção: "Mesmo que que a vida tenha sido tão difícil... Você aquece meu coração e te tenho ao meu lado em todos os momentos... "

Mesmo "Virtual" mas tenho! E isso é muito importante para mim... acredite que seu carinho me ajuda a ultrapassar barreiras...

Os amigos formam na minha vida um belo Jardim em Flôr... Sendo sempre regado com amor e amizade, carinho e lealdade...

Pois você é leal com meu Jardim mesmo na minha na minha ausência rega com o calor do seu afeto e respeita meu silêncio e minha dor, sempre a me visitar..
Alegra a "Rosa Amiga"!

Tenho te seguido em silêncio...
Um forte abraço e muitos beijinhos
da rosa amiga
Iana!!! :)

Iana disse...

Linda não podia sair sem comentar sua escolha, esta perfeito... Parabéns!

"Mas as coisas findas
muito mais que lindas,
essas ficarão."
Carlos Drummond de Andrade

beijos da rosa amiga
Iana!!!

Adolfo Payés disse...

siempre es un placer leerte..
te dejo mis saludos fraternos con mucho cariño

que tengas un buen fin de semana

un abrazo

Gaspar de Jesus disse...

Fabulosas as palavras do grande Drummond de Andrade.
Amei esta imagem...!!!
Bjs
G.j.

Deusa Odoyá disse...

Olá minha doce amiga Sonia.
Mesmo sendo virtual moras em meu coração também.
Quem vive sem amigos, ninguem.
Uma semana de muita paz, luz e amor.
Obrigado por fazer parte de sua amizade.
Beijinhos doces.
Regina Coeli.
Ah!
quanto ao texto, nada a declarar, ainda mais que vem de um senhor nota mil.
Carlos Drummond.

Maria Emília disse...

A memória registará e guardará os belos momentos de amor que perdurarão para sempre.
Um grande beijinho,
Maria Emília

José Heitor Santiago disse...

Belíssimo! Gosto muito de ler Carlos Drummond de Andrade!

Um bom domingo!

Abraços poema,

jhs

Antonio Paulo disse...

Belo poema do mestre. Agradeço Sonia pela suas visitas no Vivendo em Versos.

Valdemir Reis disse...

Amiga Sonia é sempre com grande alegria que retorno para este importante espaço. Honrado e feliz. Quero agradecer sua amizade, atenção e gentileza. Muito obrigado! Parabenizo você pela harmonia e qualidade deste trabalho. Grande tema, ótima escolha, belissimo poema, lindo visual, encantador, uma preciosidade, marcante, gostei. Valeu ter passado aqui. “Muitas vezes basta ser: colo que acolhe, braço que envolve, palavra que conforta, silêncio que respeita, alegria que contagia, lágrima que corre, olhar que acaricia, desejo que sacia, amor que promove. E isso não é coisa de outro mundo, é o que dá sentido à vida. É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais, mas que seja intensa, verdadeira, pura enquanto durar. Feliz aquele que transfere o que sabe e aprende o que ensina.” Cora Coralina. Encontrar-nos-emos sempre por aqui. Aguardo sua visita, passa lá! E volte sempre! Tenha um agradável e feliz fim de semana. Muita paz, brilho, proteção e sucesso. Tudo de bom, prosperidade... Fique com Deus. Forte e caloroso abraço.
Valdemir Reis

ASHLEA disse...

Passando no seu cantinho maravilhoso para gradecer a sua iluminada visita em meu blog.
Obrigada e tenha um final de semanaa abençoado.

Beijos da amiga Léa.

Poemas e Cotidiano disse...

Minha querida amiga!
Que lindo esse poema do Carlos Drumond! Nossa, o final eh maravilhoso!
E essa foto sua na praia no seu blog esta MARAVILHOSA!!!!!!!!!!

Beijos carinhosos
MARY

AFRICA EM POESIA disse...

SONIA
Agradeço a visita e deixo...


Amar-te

Amar-te…
Amar-te muito…
Esperar e saber…
Que nunca virás…
Mas amar-te…
Da mesma maneira…
E com a mesma intensidade…
Pois amar…
É dar, e voltar a dar…
E nada esperar em troca…
E quando o Amor…
É mesmo desprendido…
É muito mais forte...
E pode ser que um dia…
Haja uma troca…
E venha a receber…
Aquilo que dou….



Lili Laranjo

azpeitia disse...

Bellísimo blog, un abrazo de azpeitia

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.