.

.

28 setembro 2009

Pintei para ti uma rosa



Pintei para ti uma rosa
uma rosa pequenina
daquelas brancas
tão puras que são gritos
de almas solitárias
que vivem correndo
o seu fado
pintei para ti uma rosa
uma rosa branca, suave
de mil cores imaginadas
tiradas da paleta mágica
que existe na minha alma
pintei o azul do mar
o amarelo do sol
o rosa dos sonhos felizes
o branco do véu da paz
o negro do lamento da noite
o verde das esperanças
e tantas, tantas cores
cores de paz e de guerra
cores de doçura e de força
cores , todas elas bonitas
pequenos pedaços de alma
que deixei para ti
com sorrisos que não dei
com sonhos que não contei
com o carinho e a ternura
de um doce entardecer
eu pintei uma rosa
tão pequenina e formosa
igual a sonho, a mulher
para ti pintei a rosa
que fica testemunha calada
de uma paleta de cores
da alma de quem a pintou
de um poeta sonhador
que vive pintando a vida
com as cores que inventou...

Gonçalo de Assis

Imagem 1: Praia dos Ingleses


20 comentários:

louca esquizoffrenica disse...

sonia:
como sempre as suas palavras embelezam os dias. Um beijo enorme e terno desde este lado do oceano

EDUARDO POISL disse...

Que lindo poema amor.
Beijos te amo

Deusa disse...

Olaaaaa
Bom diaaaa
Muito bom vir aqui e ler essas palavras bonitas pela manhçã.
Um Abraço Apertado minha querida.

Xana disse...

como sempre por aqui o amor anda no ar e viaja por essas águas bem de mansinho! :)

voltei, acabaram as obras e as limpesas ;)

beijo

Mundo Animal. disse...

´´´´´´´´´´´´´,;****,´´´´
´´´´´´´´´´´´,*¨¨,“¨¨*,´´´
´´´´´´´´´´´,**¨¨¨@“;“;;-…
´´´´´´´´´-,¨**¨¨¨¨“)““-““““
´´´´´´´´//,***¨¨¨¨*
´´´´´´´(,(**/*“¨““¨¨*
´´´´´´((,*/*;);*)¨¨¨¨*
´´´´´((,**)*/**/¨¨¨”¨*
´´´´,(,****.:)*¨¨¨¨¨¨*
´´´((,*****)¨¨¨¨¨¨¨*
´´,(,***/*)¨*¨¨¨¨,¨*
´´,***/*)¨*¨¨,¨*
´)*/*)*)*¨¨*
/**)**¨¨“\\)\\)
*/*¨¨¨¨,...)!))!).....,(
“,¨¨¨¨_)--“--“------/_. ..........

TE DEJO UN ABRAZO Y MIS SALUDOSS
ESPERO QUE TENGAS UN BUEN DIAAAA
CHRISTIANNNN

Jacque disse...

Este teu espaço me encanta! Ler sobre rosas, deixa-me ainda mais entregue a toda esta poesia! Beijo, Sônia!

Adoro teu blog!

Jacque disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jaime Cortizo disse...

Boa primavera!

Saúdos

Regina disse...

Olá minha amiga Sonia!!!
Como estão se virando diante desse ciclone que tingiu uma parte de Floripa.
Espero que todos em sua familia estejam bem...
Seu poema é um doce, como sua alma, minha amiga.
Uma semana de muitas realizações. paz, amor e luz.
Beijinhos doces.
Regina Coeli.

Graça Pereira disse...

Eu penso que a magia que há nessa ilha,faz despertar tantos versos bonitos que eu leio aqui... A POESIA ANDA NO AR! Um beijo Graça

SAM disse...

Lindo poema, Sonia! Realmente colorimos a vida com as cores dos nossos sentimentos. E carregamos nas cores em conformidade do que pintamos na vida e no nosso imaginário, através dos sentientos e a nossa sensibilidade. As fotos, sempre bonitas.


Carinhoso beijo

Rosemari disse...

Sem palavras Sônia. Magníficos versos.

Jaclo disse...

Sonia:¡Bellísimo!
"Ha uma parte de mím que se
ausenta.
E parte com o vento,
Todos os dias um pouco..."
Sludos

Vitor Chuva disse...

Olá Sónia.
Mais um bonito popema, desta vez em volta da côr branca, associada a sentimentos e significados que nos são queridos. Parabéns!

Aproveito, ainda, a minha vinda ao seu espaço para a convidar, com todo o gosto, a ir buscar ao meu blog um pequeno selo que lá es pera por si, e que teria muito gosto em que aceitasse.

Um abraço.

Vitor chuva

Maria L. Bózoli disse...

Mais um lindo poema...entre tantos amiga Sonia.

Sucesso e paz ai na sua ilha.

Beijos na alma........M@ria

Rosemildo Sales Furtado disse...

Como sempre, o bom gosto prevalecendo. Belo poema amiga, foste muito feliz na escolha.

Abraços,

Furtado.

Juℓi Ribeiro disse...

Sonia:

Que coisa linda!
Um poema belíssimo!
Suas fotos são poesias...
Maravilhosas!

Beijo.

Norberto Marques disse...

Olá Sónia :)


Parabéns pelos bonitos poemas escolhidos e pelas deslumbrantes imagens que nos deixam maravilhados.

Um beijinho de Portugal.

Norberto

Maria João disse...

Sonia

Lindas são as rosas que têm as cores da entrega e tanto colocamos nela que não importa nunca o tamanho que ela tem, mas o perfume que inala quem a recebe.

Lindissimo este poema.
Maravilhosas as tuas fotos que fortalece sempre em mim este desejo de um dia ainda puder conhecer o teu país.

Um beijinho

ISA disse...

Lindos minha amiga estes teus poemas. E lindas também são as imagens que os decoram. Parabéns amiga pelos teus maravilhosos poemas.
Obrigada pela visita ao meu blog.
Beijo!
Isa

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.