.

.

17 maio 2010

Foi ciúmes...


A zanga passa
Se a saudade deixa de ser triste
O amor resiste
Quando o ciúme se desfaz
A dúvida se perde na certeza
Se o bem-querer falar mais alto
O amor se multiplica
Quando recebe um doce beijo
O desejo aumenta
Se apontar na direção certa
O coração deixa de sofrer
Quando dois batem ao mesmo tempo
A mágoa perde o sentido
Se não foi por malquerer
O amor dobra de tamanho
Quando a lua está de fora
A lua fica mais bonita
Se a sua volta for completa
E eu me sinto mais inteira
Quando olho pra você.

Glória Muller
http://semmedodemeexxpor.blogspot.com/



17 comentários:

SolBarreto disse...

Lindo texto...tão claro!tao verdadeiro e tão cheio de sentimento...
Amei!
E as imagens entao....faz viajar...

Glória disse...

Sônia, quanta gentileza! Puxa vida, obrigada pelo seu carinho. Pra mim é uma honra em poder estar aqui!!!

Beijos com carinho.
Glória

R.Ferrari disse...

Fantastica esta última foto. Parabéns.

direitinho disse...

Quando o amor se casa num coração doce então tudo fica bem.
A zanga passa
O amor resiste
O desejo aumenta
A lua fica mais bonita.

rosa-branca disse...

Olá Sónia, lindo poema para lindas fotos. Beijo meu

AROBOS disse...

La foto del cielo con nubes es espectacular. Maravillosa.

Mª Dolores Marques disse...

É sempre muito bom passar por aqui. belas fotos e boa poesia sempre.

beijo


Dolores Marques

Ivana Marisa Altafin disse...

Sensibilidade e amor nesse poema, parabéns poetisa Glória. Sônia, é sempre um prazer passar por aqui, para contemplar a beleza das fotos e dos poemas. Um abraço!

Daniel Costa disse...

Sônia

Um poema guiado por uma imaginação, que o torna uma peça interessante de seguir.
Daniel

Efigênia Coutinho disse...

Bom dia Sonia, como gosto de barir seu espa;co, ler sua poesia, e ver estas fotos da nossa Ilha da magia, quanta saudade tenho dos 22 anos que morei ai, recordar é viver,
um beijo carinhoso, aqui de New York,
Efigênia

ღPat.ღ disse...

O Amo transforma tudo!
As fotos que colocas aqui são lindas demais...
Parabéns, moça!
Beijos.

Baby disse...

Os poemas sempre bem escolhidos, fazendo sentido...
"E eu me sinto mais inteira
Quando olho pra você."
A imagens...de uma qualidade extraordinária! Além de seres uma optima prifissional de fotografia, tens certamente uma excelente objectiva. Os meus parabéns.
Beijinhos.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Sonia
Quando o amor tem certeza que existe, o ciúme vai embora.
Um abraço

Rosa Carioca disse...

Que mais posso dizer...
Amei!

Priscila Lima disse...

o cíumes sempre faz parte de uma realçao normal...rs
Abraços
as fotos estão cada vez mais lindas.

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Ciúme, mal de amor. Glória escreve muito bem. Parabéns à ambas.beijos

Caminhos Poéticos disse...

O valor das coisas não está no tempo em que elas duram,mas na intensidade com que acontecem.
Por isso existem momentos inesqueciveis,coisas inexplicaveis e pessoas incomparaveis.

Fernando Pessoa

Amor & Paz na sua noite...M@ria

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.