.

.

23 novembro 2010

Ergo uma Rosa


Ergo uma rosa, e tudo se ilumina
Como a lua não faz nem o sol pode:
Cobra de luz ardente e enroscada
Ou ventos de cabelos que sacode.

Ergo uma rosa, e grito a quantas aves
O céu pontua de ninhos e de cantos,
Bato no chão a ordem que decide
A união dos demos e dos santos.

Ergo uma rosa, um corpo e um destino
Contra o frio da noite que se atreve,
E da seiva da rosa e do meu sangue
Construo perenidade em vida breve

Ergo uma rosa, e deixo, e abandono
Quanto me dói de mágoas e assombros
Ergo uma rosa, sim, e ouço a vida
Neste cantar das aves nos meus ombros.

(José Saramago)



11 comentários:

Luís Coelho disse...

Lindas fotografias que nos enchem o coração de beleza e nos reconforta com o calor do Verão.
Aqui faz muito frio.

O poema de Saramago é muito belo:

Ergo uma rosa, sim, e ouço a vida
Neste cantar das aves nos meus ombros.

Bloguinho da Zizi disse...

Saramago...sempre

Lindo Sônia, perfeito para o teu cantinho tão cheio de carinho.

Beijo

Chica disse...

As fotos conseguem ser mais lindas do que a poesia de Saramago!beijos,saudades,chica

momo disse...

Ay que linda mi amiga...tu sabes? en el teatro en que trabajo hace dos años bailó esa pieza una gran bailaora Maria Pagés a la que saramago adoraba...pèro mejor te envio el link de la entrada que le dediqué en su dia en mi orilla.
http://navegandopormisorillas.blogspot.com/2007/10/mara-baila-saramago.html
Me encanta las fotos...algún dia me llevaré una para hacer un cuadro.
un beso linda

Ana Maria disse...

Fotos iluminadas, traz muita harmonia.
Beujinhos de luz!

José María Souza Costa disse...

Belissimo blog.Se possivel visite o meu e sigamos juntos por eles.Estarei lhe esperando lá
Abraços de verdade

sam rock disse...

Ergo unha rosa por vostedes, a marabillosa veciñanza desa illa bañada polo mesmo mar que vexo desde a miña fiestra.

Unha aperta, Sonia e familia.
Bo fin de semana.

Ricardo Miñana disse...

Preciosas las imagenes y la poesia de Saramago, gracias por compartir.
un placer pasar por tu casa.
feliz fin de semana
un abrazo.

Glória disse...

Oi Sônia, recebi o selo Prêmio Dardos, do blog Bela Estrela Matinal, portanto, gostaria de repassá-lo pra vc também.

Beijos
Glória

Lu disse...

Olá! Sônia!
Lindas fotos! Que lugar maravilhoso!
Ah! Uma praia agora, o vento, as águas do mar! Aqui, em RB está tão quente.

Saramago! Gostei do poema!

Abraço! Um lindo final de semana pra vc!

Lu disse...

Olá! Sônia!
Lindas fotos! Que lugar maravilhoso!
Ah! Uma praia agora, o vento, as águas do mar! Aqui, em RB está tão quente.

Saramago! Gostei do poema!

Abraço! Um lindo final de semana pra vc!

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.