.

.

10 outubro 2012

Doce Perfume



A vida pulsa alegremente.
Coração acorda em um sonho
Que não havia terminado,
Volta a bater como asas de um pássaro
a procura da flor preferida, 
e, ao beijá-la suavemente,
recorda como é doce seu perfume,
e ao anoitecer, feito um vaga-lume,
empresta seu brilho
Para olhos que tinham se apagado.

Rita Encinas



3 comentários:

Marcia Melo Morais disse...

Lindo Sônia ,adoro as fotos,um beijo querida!

Sotnas disse...

Olá Sônia, que tudo esteja bem contigo!

Escrito intenso e expressivo, como sempre compartilha por cá, nesta sua ilha onde sempre sopram belos e intensos ventos, parabéns por mais este!

As imagens também são sempre perfeitas escolhas!

E grato por tuas visitas eu desejo que tenha em teu viver a felicidade intensa, abraços e até mais!

Rita Encinas disse...

Olá Sônia, veja só que benção! Estava eu a perambular pelo google e olha so o que eu encontro? Cisa linda de viver, obrigada pela publicação! Grande beijo!

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.