.

.

03 agosto 2009

Todos os dias



Todos os dias nasce uma flor no meu peito
e brota em alegria e germina.
Seria girassol, se não fosse sol;
mas também seria essa, se não fosse aquela.
E seria lua,se noite fosse,
e seria saudade,se saudade fosse doce.
E seria mulher,se não fosse menina...
E seria prisão, senão liberdade
e seria vontade, se não fosse tanto
e seria mais do que puro encanto
seria amor além de densidade.

Mariana Gouveia

Imagem 1: Lucas Landau, http://www.flickr.com/photos/paradise/98082649/
Imagem 2: Lagoa da Conceição

4 comentários:

Rosani Nauar disse...

...Seria girassol, se não fosse sol;
Que linda poesia, me sinto assim...o que seria de mim sem os poetas para nos lembramos que vida é puro encanto e magia todos os dias. Parabéns querida pela escolha dessa poesia...estou emocionada.


beijos,

EDUARDO POISL disse...

Lindo poema.
Beijos meu amor

Vieira Calado disse...

Passei para ler (ou reler)

e deixar cumprimentos.

Layara disse...

Seria essa se não fosse aquela...
Em nosso peito qualquer coisa que nos lembre sempre que Há Amor!

Muita Luz nesse recanto, sempre!

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.