.

.

13 outubro 2009

Poeta & Poetisa


Encosta-te em mim
Na orla do mar,
no rumor do vento,
onde esteve a linha
pura do teu rosto
ou só pensamento
- e mora, secreto,
intenso, solar,
todo o meu desejo -
aí vou colher
a rosa e a palma.
Onde a pedra é flor,
onde o corpo é alma.

Eugénio de Andrade




O sonho aprendeu a pairar bem alto,
lá onde o sobressalto nem sequer nasceu.
Namorou a trôpega ilusão,
até que trêfego e desajeitado,
desprendeu-se de seu reino idealizado,
veio pousar tamborilante em minha mão.
Assim, aquecido e aconchegado,
parece que se esqueceu de ir embora.
Na hora em que ressona distraído,
eu lhe pingo malemolências ao ouvido,
à sua inquietação eu me sujeito.
Eis que o sonho dorme agora aqui comigo,
seu corpo repousa no meu peito.

Flora Figueiredo



Um dia iluminado para todos!

31 comentários:

louca esquizoffrenica disse...

bom dia sonia. belas palavras as de Eugénio de Andrade. Bonitas as fotos também (fotos novas hã!!)um beijo desde este lado do oceano tenha um bom-dia e obrigado pela visita.

Adolfo Payés disse...

Siempre es un honor y hermoso visitarte, y encontrarme con estos poemas excelentes.. y la imágenes preciosas..

Un abrazo
Saludos fraternos...

RETIRO do ÉDEN disse...

Assim será, por Deus.

Obga. pela honra de sua visita e desejos.

Os versos de Eugénio de Andrade desconhecia e amei.

Onde a pedra é flor,
onde o corpo é alma.

Beijo
Mer

Victor Gil disse...

Olá amiga Sônia.
Poeta e poetisa versus fotógrafo e fotógrafa. Será? Já agora tinha curiosidade em saber como ficou o Eduardo, no retrato.
Um beijo querida amiga
Um bom dia para ti
Victor Gil

Paula Raposo disse...

Um lindíssimo post! De poemas e de fotos...beijinhos

Andresa disse...

Lindo poema amiga
Imagens encantadores que nos trasmite muita paz.
Beijos
Andresa

Chica disse...

Maravilha e esse teu cantinho com essas imagens lindas dá uma paz linda!beijos,tudo de bom,chica

mariabesuga disse...

Eugénio... gosto, amo, é um dos "meus" autores.

Flora Figueiredo não conhecia mas gostei do poema tão cheio de sentidos na ligação das palavras...

"Eis que o sonho dorme agora aqui comigo, seu corpo repousa no meu peito."

Muito bonito!

Um beijo para dois, Sónia.

Branca disse...

Linda poesia de Eugénio de Andrade e a de Flora Figueiredo (que conheci aqui) tenho apreciado muito...cada uma mais linda que a outra!

Enqto há sonho, há esperança, desejos...acabam-se os sonhos, a vida perde a graça...


Boa quarta pra vc! Bjo carinhoso!

a magia da noite disse...

juntar a alma com o corpo e aos dois com o sonho, é poder adormecer nos braços do outro.

Xana disse...

Este teu canto me deixa bem tranquila , com esses doces poemas e belas fotos, obrigado ;)

pus no blog do teu marido um link para ouvirem uma musica ;9
acho que vão gostar!!

beijinhos e resto de uma semna muito feliz

Everson Russo disse...

Lindo esse amor de poeta e poetisa em frente ao mar, na visão do horizonte, um beijo querida e um otimo dia pra ti.

elvira carvalho disse...

Gosto muito de Eugénio de Andrade.
Flora Figueiredo, o nome não me é estranho, possivelmente já li alguma coisa nas minhas pesquisas para o A mulher e a poesia, mas sinceramente não recordo.
As fotos o encanto de sempre.
Um abraço

Maria Emília disse...

Pequenos poemas que nos trazem muita paz. Obrigada por no-los lembrar aqui.
Obrigada também pelas palavras que deixou no talqualsou enquanto estive ausente.
Um grande beijinho,
Maria Emília

Walkyria Rennó Suleiman, disse...

Que delícia de auto-retrato por outro alguém! Deixei um mimo para você no meu blog.

Felicia disse...

AAAh, amiga... toda vez que venho aqui, levo comigo uma alma mais pura leve e transparente, assim como o teu mar.
Bjos
Fe

Graça Pereira disse...

Os poemas aqui, fazem poesia com a natureza!
Um beijo
Graça

Meg disse...

Sonia,

Sempre me surpreendes... ou talvez não, pois sei que aqui se encontram os grandes da nossa Poesia.
Falar de Eugénio de Andrade é difícil, acho aue todo o mundo conhece.
Já da Flora Figueiredo, vou atrás... e já.

Um beijo

neide disse...

Sonia querida, saudades desse seu cantinho... está lindo!

Viver um amor é muito bom e em frente ao mar... é um encanto.

Como sempre, lindos poemas e belas fotos.

Bjsss

Nanda Assis disse...

adorooo.

bjosss...

Baby disse...

"Onde a pedra é flor
Onde o corpo é alma"

Eugénio de Andrade tem o dom de nos tocar e de transformar as pedras em flores.
Obrigada por no-lo trazeres.
Um beijo.

sam rock disse...

Corpo e alma, uma mistura que nos faz mais livres.

Um abraço

silvioafonso disse...

.


UMA EXPLICAÇÃO, TÃO SOMENTE:

Ah, este meu lado querido, sofrido
de cuja inocência fiz o meu castelo.
Obra de infinito tempo, de base
firme e cobertura livre virada
para o nascer do sol, e por isso
mantém aconchegante os
sentimentos que eu trago em mim.
Ah, este lado romântico, bem
resolvido e correspondido pelo
que fui, pelo que sou. Reinado de
piscina vazia de lágrima e de
plateia viva e feliz que se deixou
cobrir pelo manto verde de um
certo olhar de quem pulsa em
minhas veias como o ópio varrendo
o corpo, fazendo triagem no coração
para adormece na minha alma.

silvioafonso.






.

romantic disse...

oi sonia obrigada pelas visitas de insentivo e por td carinho ,lindos poemas um abraço a tda familia bjs!!!

Ana Martins disse...

Lindos poemas... foi muito bom ler!!!

Beijinhos,
Ana Martins

Andrea disse...

Sonia, desculpe se sou repetitiva, mas sempre fico maravilhada quando venho aqui.Muitas vezes nem comento porque minhas palavras ficam estreitas de tão lindo que são os poemas e as fotos, lugares que eu já estou mapeando para visitar.Obrigada por dividir estas maravilhas conosco...Em cada post seu, uma viagem...

Bjos pra ti...


:)

Flor ♥ disse...

Oi, Sonia!

Lindas as suas fotografias... sabe, essa é uma de minhas paixões. Quanto aos poetas, as escolhas foram perfeitas!

Uma noite de paz!

Bjs.

Carmem disse...

Sonia!..

Que bom voltar aqui e ver tantas belezas...principalmente a da tua alma!..
Tudo muito lindo!

beijo e obrigada pelo carinho

Ni... disse...

Sonhos são assim mesmo! Os meus brincam de esconde-esconde, entre os becos de minhas várias ruas. [risos]

*Adorei as fotos, estão belíssimas como sempre!

Beijinhos.

Lampejos disse...

...
Li todos acima
e quase todos de teu blog...

"Eis que o sonho dorme agora aqui comigo,
seu corpo repousa no meu peito."

Sonham as palavras
que sua vez repousa no peito
do corpo que se entrega.
___
Pelos comentários e visitas que sempre...tu me fazes

Muito obrigada, Sonia!...

[bom fim-de-semana.]


(a)braços,flores,girassóis...:)

Lampejos disse...

...
errata[que POR sua vez]

:-(

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.