.

.

15 outubro 2009

Uma Após Uma



Uma após uma as ondas apressadas
Enrolam o seu verde movimento
E chiam a alva espuma
No moreno das praias.

Uma após uma as nuvens vagarosas
Rasgam o seu redondo movimento
E o sol aquece o espaço
Do ar entre as nuvens escassas.

Indiferente a mim e eu a ela,
A natureza deste dia calmo
Furta pouco ao meu senso
De se esvair o tempo.

Só uma vaga pena inconseqüente
Pára um momento à porta da minha alma
E após fitar-me um pouco
Passa, a sorrir de nada.

Ricardo Reis,
in "Odes"
(Heterónimo de Fernando Pessoa)



Imagens: Praia Daniela, Costão do Santinho e Praia do Forte

28 comentários:

EDUARDO POISL disse...

Lindo poema amor, e tuas fotos estão maravilhosas, 3 praias na mesma postagem, parabéns.
Beijos te amo

R.Ferrari disse...

Três lindas praias. Belas fotos. Parabens.

Aline Capistrano disse...

Observar a natureza na sua beleza (e na sua furia também), é ver o que se passa dentro de nós.
E entender que fazemos parte de deste universo.

Amei seu blog.
beijos.

Maria L. Bózoli disse...

Indiferente a mim e eu a ela,
A natureza deste dia calmo
Furta pouco ao meu senso
De se esvair o tempo.


Bom dia e um dia de muita paz.

Beijos...Beijos

louca esquizoffrenica disse...

Só uma vaga pena inconseqüente
Pára um momento à porta da minha alma
E após fitar-me um pouco
Passa, a sorrir de nada.

Sonia que bonito e que belas imagens. Por vezes temos que parar de nos importar com as nossas penas e ficar a apreciar o vai e vem das ondas, é tão bonito!...
beijos enormes desde o outro lado do oceano

Jaime Cortizo disse...

Salvo polas palmeiras, o resto é moi parecido a algunha praia da Galiza.

Saúdos e a disfrutar do paraiso!

Isa disse...

Muito bom o poema da Márcia e lindas
as fotos.
Lindas mesmo! Que Amigos artistas eu tenho!!
Beijo.
isa.

Isa disse...

Mil desculpas...O poema de Ricardo Reis.
Ai,ai!!
Beijo.
isa.

Chica disse...

Perceber o movimento dessas ondas, uma a uma que vão e voltam, dá paz...Lindo tudo!beijos,chica

Betty disse...

El que posee el don de maravillarse y de entusiasmarse ante tan esplendida naturaleza es porque sus ojos estan bien abiertos a la vida.
Saludos Betty

rouxinol de Bernardim disse...

Não sei quais as mais belas: as fotos ou as poesias!

Tudo no top! Parabéns mais uma vez!

Maysha disse...

Sonia o poema é lindo e as tuas fotos um encanto, o que faz um conjunto perfeito.
Bom fim de semana, beijo de luz

Malu disse...

Sonia, é sempre um grande prazer passar por aqui e deliciar com os belos poemas que encontramos.
Somente Fernando Pessoa, coração e alma de Ricardo Reis, poderia descrever o vai e vem de um mar tão belo...
E, você, a sensibilidade de reescrever, neste seu canto.
Beijos, minha querida

Manu disse...

Olá Sónia!

Vêm as ondas morrer na praia
numa procissão sem paralelo
cobrem os rochedos da atalaia
nada na natureza é tão belo

Como bela é a poesia do Pessoa. Bom fim de semana. Beijos

sam rock disse...

Essas ondas de Fernando Pessoa também chegam até aqui.
Que passes um bom fim-de-semana.

Uma forte aperta

Nilson Barcelli disse...

O meu poeta preferido...
Gostei que o tivesse escolhido.
Querida amiga, bom fim de semana.
Beijos.

REGGINA MOON disse...

Sônia,

Passando em visita para te desejar um ótimo final de semana!

Maravilhoso Pessoa em todas as suas formas poéticas divinas!

Parabéns!

Beijos,

Reggina Moon

Papoila disse...

Ando sumida por excesso de trabalho... Lindas as fotos e o poema de Ricardo Reis aqui muito bem enquadrado.
Grata pelas visitas.
Beijos

arobos disse...

Hermosas playas, lindos versos.

++lindorui disse...

Amiga Sonia:
quanto mais vejo fotos de Florianópolis mais me parece que estou... em Setúbal, a minha terra...!!! As praias, aquele forte, a guarita... que coisa...!!!
Quantos aos Poemas que posso eu lhe dizer...?!...
Vim tb aqui para lhe dizer que o ++lindomenino decidiu em reunião extraordinária com o Rui, lhe conceder um Selinho pela grande qualidade de "Um Vento na Ilha". Pode cá vir buscar quando quiser pois este Blog está "OPEN 24HRS A DAY"... rsrs
Bom Final de Semana, Amiga.
Abração do
Rui
k é 1lindomenino

Luísa disse...

uma atrás de outra...as postagens nesta ilha são tocadas pelo bom gosto do vento que sopra e as abençoa!Uma atrás de outra...
Beijinho terno e muito, muito obrigada pelo carinho deixado no olhardeperto!
Bom f-d-s

tulipa disse...

Só HOJE descobri o teu blog e deliciei-me com belas fotos, além de fazeres fotos com paixão, tens talento e mestria.

Bela conjugação de poesia fascinante com fotos maravilhosas.
Parabéns!!!

Abraços.

VANUZA PANTALEÃO disse...

Ricardo Reis, dos mais de uma centena dos personagens de Pessoa era o mais sintonizado com a natureza. Poucos sabem, mas havia um heterônimo brasileiro, o "Santos".
Preciso falar desse mar quebrando nas pedras?
Beijos, Sônia!!!

Layara disse...

Olá guria LInda!

Sempre tudo Lindo aqui, lindas imagens, lindas Letras, Linda Você.

E as ondas sempre a deslizar suaves sentimentos...Lindo isso!

Beijos, otimo fim de semana!

Fernando Campanella disse...

Lindo poema de Ricardo Reis, lindos poemas e fotos em teu blog. Um abraço, Sonia, obrigado pela presença e carinho.

Fernando Campanella disse...

Lindo poema de Ricardo Reis, lindos poemas e fotos em teu blog. Um abraço, Sonia, obrigado pela presença e carinho.

mar salgado disse...

Que belo poema ....

um abraço

mar salgado disse...

Que belo poema ....

um abraço

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.