.

.

18 novembro 2009

Canções do Vento Sul



Deitada sobre um tronco de carvalho
Ouvindo as canções do vento sul
Vejo a noite perfumada de orvalho
Abrindo o fim da tarde tão azul

Sigo passo pelo nada sem saber
Que todos os meus rumos são você
São estrelas os meus rumores de paixão
Pelos quatro cantos do meu coração

Hoje você vai sentir que o mundo é de nós dois
Não querer deixar sequer um beijo pra depois
E todos os mistérios vão surgir num céu azul
Discretamente escritos nas canções do vento sul

Nas canções do vento sul...

Paula Fernandes



22 comentários:

SAM disse...

Quanta beleza, amiga! Estas fotos, o poema e a sua admirável sensibilidade. Obrigada.


Carinhoso beijo.

EDUARDO POISL disse...

Um lindo poema e tuas fotos estao maravilhosas.
Beijos te amo

Juan Antonio Torron Castro disse...

Un precioso poema y unas fotos muy relajantes, un saludo.-

direitinho disse...

Muitos dias nem quero comentar nada, mas não resisto a dizer que sabe escolher belos poemas.
Maravilhoso muitas vezes aquilo que um poema nos diz. Pode ser aquilo que no momento do entardecer vimos com o coração balançando entre o dia e a noite.

Daniel Costa disse...

Sonia

Poema lindo de Paula Fernandes, com é agradável usufruir de jardim com banco de encosto para o saborear com tranquilidade, com paz de espírito.
Daniel

louca esquizoffrenica disse...

sonia:
Hoje você vai sentir que o mundo é de nós dois
Não querer deixar sequer um beijo pra depois
E todos os mistérios vão surgir num céu azul
Discretamente escritos nas canções do vento sul

que lindo poema de Paula Fernandes
lindas as imagens como sempre
beijos desde o outro lado do oceano

Déia disse...

Quero deitar nesse banco !! Quero sentir esse perfume da natureza... Quero ver essa paisagem...

O nenem tb quer e precisa!! rs

beijos minha querida!

Ana Lúcia Porto disse...

Oi Sônia,

AMO sentir os perfumes da natureza...
Ah..., que delícia...!! A natureza pode nos conduzir às imaginações e às magias, que nos encantam... e nos renovam...

Beijos e obrigada por ir tomar um café comigo,
Ana Lúcia.

PARISINA01 disse...

Todo lo que tiene que ver con la naturaleza me cautiva, me encanta, ya sea el perfume, olor a hierba mojada, o un lindo paisaje y en tu post siempre encuentro algo agradable, felicitaciones.

Adolfo Payés disse...

Hermoso tus post te leo y me quedo en silencio, disfrutando de tu escritos..

Todo un placer visitarte..
Un beso.

Un abrazo
Saludos fraternos...

Alda disse...

Olá Sónia,
Adoro a natureza e os seus perfumes!
Lindo poema, acompanhado de fotos tão belas!
É sempre um prazer passar por aqui, embora às vezes não tenha tempo de comentar.
Um beijo.

poetaeusou . . . disse...

*
o vento
tudo nos traz
o vento
tudo nos conta ...
,
conchinhas, deixo,
,
*

Lu disse...

Lindo! todas as suas postagens son lindas* meigas* suave como o vento

e aquele banco a espera de alguém ...

Spectrum disse...

ficaria e(ternamente) nesses verdes esplendorosos...e, a ler-te. devorando palavras. e azuis. elegia dos sentidos, sim.
beijinhos

Fernanda disse...

Amiga Sónia,

Você e o Eduardo têm pelo menos essa paizão em comum, a poesia, e as vossas escolhas são sempre deslumbrantes.
Parabéns!

Beijos
Fernanda Ferreira

M@ria disse...

Deitada sobre um tronco de carvalho
Ouvindo as canções do vento sul
Vejo a noite perfumada de orvalho
Abrindo o fim da tarde tão azul


Afffffffff...........Sonia
Dá até prá sonhar......lindooooo

Beijosssssssssssssssssss

Sereia disse...

Boa noite...
Linda postagem...
Um beijo grande

Isaac Melo disse...

Sônia,
essas 'canções do vento sul' me encantam. Como é belo nosso país!

Um forte abraço!

Manu disse...

Olá Sonia!

Nesta relva verde e no céu azul
vejo paisagens de grande encanto
feliz, oiço a canção do vento sul
aprendo a letra e convosco canto

Beijos.

Maria João disse...

Sonia

Versos e fotos, a magnifica beleza da simplicidade.

Estás sempre de parabéns, pelas escolhas que fazes!

Um beijinho

Mahria disse...

... e quando fica a sensação que ficou beijos pra depois? E que talvez não terá um "depois".

Bjs
Mah

Indiana disse...

Sonia,
Assim vc me mata de saudades do meu Brasil.Amo as fotografias.
Pra vc, veja no youtube Fabio Jr e Vania Bastos Sorri (SMILE ) Legendas SHOW!!!
Lindo!!!!!!
Excelente fim de semana
besitos
Indiana

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.