.

.

26 fevereiro 2010

Sinfonia do Mar



Navego com a sinfonia do mar
nas escalas que beijam a orla
indefinidas ,calmas ou aflitas
nos ventos que açoitam o percurso das gaivotas
nos solfejos , acordes que quebram em ondas
que fundem o azul e o verde.

Vago no olhar que se perde no infinito
que absorve pensamentos
transpõe espaços e momentos
quando o silêncio inunda a alma
nas velas trêmulas que sussurram canções
carícias com sopros de maresias.



Mergulho na contradição , em tantas fusões
no resíduos das pedras, nas algas e corais
no avesso, na candura e na aventura dos versos
na pauta das notas, nas teclas do meu piano
espelhando,espalhando os reflexos do sol ,do luar
nos instantes de tormentos
que se acalmam no crepúsculo
ao cavalgar com as luzes das estrelas
a orquestra em sinfonias
na sintonia em eterno movimento.

Maria Thereza Neves
Agosto de 2006


No Ilha da Magia: Se esvai o dia comum

34 comentários:

Nanda Assis disse...

bom fim de semana.

bjosss...

Eliane disse...

Ola!!
Ha quanto tempo...passando para deixar um beijo no coração e um 2010 de muito sucesso.

tossan disse...

Essa melodia, a poesia e a primeira foto me faz viajar, talvez para o litoral da frança...Beijo

Glória Müller disse...

Oi, Sônia... Mais-Que-Perfeito, esse poema. Linndo!
Beijos
Glória

Asly disse...

Le foto sono bellissime.

Luísa disse...

Que feliz combinação!
O vento na ilha hoje trouxe uma aroma napolitano e a inspiração deste poema faz-nos ter vontade de pertencer a essa orquestra para um instumento tocar!

Beijinho terno, Sónia!
É sempre um prazer estar nesta tua ilha!

Chica disse...

Lindo poema de Maria Tereza e as fotos, nem preciso falar...sempre maravilhosas!beijos,lindo fim de semana!chica

direitinho disse...

Bonito este poema que se conjuga com o vento as gaivotas e o mar de sentimentos.

Bandys disse...

Oi Somia.
Linda poesia.

Deixo outra minha

Sou uma mistura de sentimentos...
Sou pedaços de céus com punhado de terra
Sou oceano azul e o verde da montanha
Às vezes estou muito perto outra sou deserto
Sou antídoto e sou veneno
Às vezes sou presença e em outras sou ausência
Sou inteira, sou metade, sou saudade.
Sou estrela e sou o breu
Às vezes sou você, mas também sou eu.
Sou sorriso e às vezes sou a lágrima
Sou essa mistura de sol ardente com trovoada.
Às vezes sou tudo, em outras nada.
(Bandys)♥

Georgia disse...

Sonia, tudo na mais perfeita sincronia. Lindo!

Bom fim de semana

Beijos

Pena disse...

Simpática e Doce Amiga:
"...Vago no olhar que se perde no infinito
que absorve pensamentos
transpõe espaços e momentos
quando o silêncio inunda a alma
nas velas trêmulas que sussurram canções
carícias com sopros de maresias..."

É linda e escreve com delícia e encanto.
Uma pureza e beleza surpreendentes saídos da sua pena de ouro puro.
Adorei.
Beijinhos amigos à bela poetiza de sonho que é.
Com respeito e admiração por tanta ternura.

pena

É gigante no sentir.
Parabéns sinceros.
É lindo o seu versejar.

Isa disse...

Linda esta música!
Consegue distrair-me do medo terrível que tenho do vento que está a varrer Lisboa.
Beijo.
isa.

Manuela Freitas disse...

Nem sempre venho cá, as solicitações são muitas e o tempo pouco, mas é sempre bom vir aqui. Parabéns pelas fotografias, que acompanham um belo poema...a vida é tão vasta e às vezes fixamo-nos em coisas tão supérfulas!...
Beijinhos, Manuela

Baby disse...

"Navego com a sinfonia do mar
nas escalas que beijam a orla
indefinidas ,calmas ou aflitas
nos ventos que açoitam o percurso das gaivotas
nos solfejos , acordes que quebram em ondas
que fundem o azul e o verde."

Navego na beleza das palavras e espraio o olhar na beleza das paisagens.
Obrigada minha amiga!
Beijos.

EDUARDO POISL disse...

Fui teu visitante de 90 mil rssssssss.

Beijos te amo

in natura disse...

Lindo poema e fotos Sônia e a música também, afinal navegas com a sinfonia do mar. Saudade! Beijuss

Léo Santos disse...

Bah! Mas que vergonha que sinto dessas imagens que publico da feia Porto Alegre, diante desse cenário divino e paradisíaco da ilha da magia!

Um abraço!

Pérola disse...

Bom dia minha querida.
Seu blog é uma sinfonia e o mar o maestro,tudo muito lindo.
Um beijo grande e muito obrigado por tua visita,deixou um cheirinho de maresia por lá.
Dias felizes amiga.

rouxinol de Bernardim disse...

Poesia e fotos a condizer! Naveguem ao sabor do vento...

Anne Lieri disse...

Sonia,que beleza de poesia!O mar tem mesmo uma sinfonia mágica,só dele que nos hipnotiza de tanta beleza!Bjs,

Everson Russo disse...

Delicia essa sinfonia,,,das ondas,,,do mar,,,do amor que vai e vem,,,beijo de otimo final de semana.

Dora Regina disse...

Sonia, que sinfonia é esta? Que maravilha de poesia, para mim a verdadeira sinfonia de vida.
Parabéns sempre!
Bom fim de semana.

Eduardo Aleixo disse...

Linda sinfonia poética dedicada à sinfonia do Grande Poema, que é o mar...
Desejo-lhe um óptimo fim de semana.
Abraço amigo.

ONG ALERTA disse...

O mar simplesmente nos encanta, paz.

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Amiga.

Também tenho mergulhado em minhas contradições,
e vagado por muitos lugares
e sentimentos,
a minha procura.


Um final de semana cheio de inspiração.

Brancamar disse...

Venho ver as sempre maravilhosas fotos que fazes da tua ilha, que nos faz perder de amores por ela. O poema foi muito bem escolhido e tem uma mensagem muito bonita.
Beijos.
Branca

Brancamar disse...

Venho ver as sempre maravilhosas fotos que fazes da tua ilha, que nos faz perder de amores por ela. O poema foi muito bem escolhido e tem uma mensagem muito bonita.
Beijos.
Branca

Vitor Chuva disse...

Olá Sonia!

O barquinho no mar, e o pensamento - navegando em paralelo, ao sabor dos ventos! Bonita imagem!
Um abraço, bom fim de semana.
Vitor

MARIA L. BÓZOLI disse...

Aquilo que está escrito no coração não
necessita de agendas porque a gente não esquece.
O que a memória ama fica eterno.

(Rubem Alves)


BOM FDS PRÁ TI.......M@RIA

meus instantes e momentos disse...

é sempre muito bom voltar aqui...
Maurizio

More Than Words disse...

http://www.facebook.com/photo.php?pid=30651265&id=1567557653#!/group.php?gid=318352835492

Querido amiga,
venho convidar Você para fazer parte do meu humilde espaço,
e editar tuas ou outras poesias de outros poetas.

Acabei de ser convidada para editar o meu livro,
conto com a colaboração de Vocês, neste espaço e posteriormente a divulgação de meu livro de poesias de Amor.

Um beijo no coração do casal que sempre me vem visitar, e me deixa seu carinho,
deste lado do oceano fica o meu abraço,
cristina.dearaujo@hotmail.com
Cristina de Araújo

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Amo o mar... e que imagem linda.

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Sonhadora disse...

Minha querida Sónia
Lindissimo poema...navegando nas ondas...adorei.

beijinhos
Sonhadora

Maria João disse...

O mar, Sonia, é o eterno manto que inspira o olhar. O do poeta, que sobre ele liberta a alma e a deixa transbordar e o teu também, porque captas cada momento com fotos de uma beleza singular.

Um beijinho muito grande, grata pela partilha e pelo teu carinho

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.