.

.

21 agosto 2010

SÓ UM POEMA


A minha herança são as estrelas
coloridas no meio do céu
os destinos vêem-se ali
caminhos traçados no azul,
sinais
alumiando as noites escuras de breu.
A minha herança são algumas vozes
lembrados sons no meio de algaravias,
memórias
tons de ouro e alegrias lembradas,
puríssimas fórmulas
herança guardada através dos dias.
Não posso deixar-te objetos
porque não creio nos objetos,
nem posso deixar-te livros
porque emprestei a todos
e não possuo casas ou planícies.
A minha herança são as estrelas
e tudo que vê nelas,
as vozes e o som do vento,
são símbolos do amor que te deixo.
Olha por elas,
deixo-te um poema
ama a tua vida, ama-te a ti...

Maria Henriques
http://mariarhenriques.bloguepessoal.com/ 


13 comentários:

Luís Coelho disse...

Bom dia
Também a minha herança foram as estrelas bonitas e coloridas no céu azul retidas.
Há quem acredite que nelas se vê o passado, o presente e o futuro.
Eu apenas as vejo cintilar e as amo do meu modo de gostar.
Belas escolhas que sempre nos oferece.

AROBOS disse...

Música, versos, imágenes: un lujo visitar tu casa.

Luísa disse...

amei o poema porque amo a vida!
ou,
amo a vida porque amo a poesia...

Amos ambos, com a mesma serenidade!
Beijinho terno!

Luísa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rosa Brava disse...

A Herança de algo belo como a Vida e a Felicidade.
Grata pela partilha.
Um grande Abraço carinhoso

Vitor Chuva disse...

Olá Sonia!

Ainda que pareça pouco o que se deixa como herança, ainda assim é muito.
Cheia de significado a expressão "não te deixo livros porque os emprestei todos".
Um abraço.
Vitor

Caminhos Poéticos disse...

"Nossa atitude diante da vida não depende necessariamente do que se passa em volta de nós, e sim do que se passa dentro de nós."

(Bernabé Tierno)

Boa Noite.....Beijos meus!! M@ria

Ana Maria disse...

Palavras brilhantes!
Uma boa noite! Tenha sonhos maravilhosos!
Beijinhos!

☆Fanny☆ disse...

Fiquei ENCANTADA com este poema LINDÍSSIMO!!!

"A minha herança são as estrelas"... penso que também é a minha!!!

Beijinhos com carinho*

Fanny

poetaeusou . . . disse...

*
marginando
um belo poema,
enalteço as tuas fotos !
,
parabéns,
,
brisas de estima, deixo,
,
*

ANTOLOGIA POÉTICA disse...

Certos momentos,
deliciosamente singulares,
passam a ser tão importantes
que, na falta daquele instante,
deixa um vazio perturbador.
O coração fica inquieto
e, na sombra desta ausência,
desperta uma gostosa saudade.


MAURICIO FREYESLEBEN


Amor & Paz na sua noite! M@ria

Pedra do Sertão disse...

Olá, Sônia,

Tão bom "ouvir estrelas" por aqui! abração. Araceli

Baby disse...

Ama a tua vida
Ama a natureza
Ama-te a ti!
Um beijo.

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.