.

.

14 janeiro 2011

Receitas de Roseana Murray


Se pudéssemos plantar palavras,
como se planta uma árvore,
tantos frutos invisíveis
contido sem seu silêncio,
tanta sombra ao meio-dia
em seu futuro,
palavras simples e quentes,
amor, pão, mel, encontro,
as sementes seriam aladas,
e o vento varreria o jardim,
então, pouco a pouco,
atravessando montanhas,
mares, cidades,
a paz cobriria o mundo


(Árvores in Rios da alegria)
Roseana Murray
http://recantodasletras.uol.com.br/resenhasdelivros/393809



10 comentários:

M@ria disse...

Você é quem decide o que vai ser eterno em você,
no seu coração. Deus nos dá o dom de eternizar
em nós o que vale a pena, e esquecer
definitivamente aquilo que não vale.

D.A

BOM FDS..........Beijos meus! M@ria

Priscila Rôde disse...

Ah, se pudéssemos plantar boas palavras...

"a paz cobriria o mundo", mesmo!!! ;)

nacasadorau disse...

Olá amiga Sônia!

Seria maravilhoso o Mundo!

Amiga, vim essencialmente saber como estão.
Tenho ouvido e visto as notícias devastadoras e sei que foi por perto...
Espero que estejam bem.
Beijo

E.R. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
E.R. disse...

O mundo precisa de plantações assim.



Lindo final de semana.
beijos.

Luís Coelho disse...

É tempo de acordar e começar nossa plantação.
Que cuidará do nosso futuro será mesmo a boa plantação que hoje fizermos -
Árvores de boas sombras nascidas de boas palavras sementes de vida.

Sotnas disse...

Olá Sônia, desejo que tudo esteja bem contigo, sempre!
É uma pena que não pode ser assim, mas ainda podemos disseminar as palavras através dos livros e agora pelas ondas de satélites! Entretanto não seria tão vantajoso plantar as palavras e ninguém as colher, e elas ficarem mofando no local em que foi plantada.
Pra surtir efeito teria que serem colhidas, e é isto que está faltando, interesse por conhecer as palavras, pessoas que façam a colheita e uso destas palavras!
Sempre bons ventos aqui na sua ilha, trazendo belas imagens e ótimos e belíssimos textos, parabéns! Desejo pra você e todos ao redor iluminada e feliz existência sempre, obrigado pelas visitas e comentários grande abraço e até mais!

Malu disse...

Árvore de palavras...
Haveria de ter sementes de poesias...
Lindo poema!
Boa semana Sônia
Um beijinho

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá Sônia! Passando para agradecer pela honrosa visita e o gentil comentário deixado com tão belas palavras. Estou retornando de um merecido descanso, e gostaria de continuar contando com a sua valiosa atenção e colaboração, para que possamos juntos caminhar e produzir durante todo o ano que se inicia. Muito obrigado de coração pela sua amizade.

Como sempre, belas escolhas e lindas imagens. Parabéns!

Abraços, uma ótima semana pra ti e para os teus, e que DEUS nos abençoe.

Furtado.

Wanderley Elian Lima disse...

Seria tão simples espalhar a paz pelo mundo, não é mesmo ?
Um abraço

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.