.

.

10 novembro 2011

Amor


Há uma luz que brinca
ao final de um corredor,
Há um som de felicidade
acompanhado de saudade,
Há uma nostalgia perene
um sentimento de quase dor,
Há um quê de sentir e querer,
é a isso que chamamos amor?

Sônia Schmorantz





6 comentários:

Lusa Vilar disse...

Seu espaço é um paraíso, é um excelente lugar onde o espírito flutua nessas águas límpidas, onde a vida parece ser feita só de calmaria e toda a ansiedade some para dar lugar a uma grande paz interior.
Lindo o seu blog, lindas as suas postagens!

Bj

Eloah disse...

Querida descrevestes lindamente o que é o amor.O amor é tudo isto.É serenidade, é plenitude, é inquietude, é cor, é dor e é ardor.
Belo poema.Amei.Teu Blog lindo como sempre.
Bom final de semana.Bjs Eloah

Eloah disse...

Querida descrevestes lindamente o que é o amor.O amor é tudo isto.É serenidade, é plenitude, é inquietude, é cor, é dor e é ardor.
Belo poema.Amei.Teu Blog lindo como sempre.
Bom final de semana.Bjs Eloah

Eloah disse...

Querida descrevestes lindamente o que é o amor.O amor é tudo isto.É serenidade, é plenitude, é inquietude, é cor, é dor e é ardor.
Belo poema.Amei.Teu Blog lindo como sempre.
Bom final de semana.Bjs Eloah

Eloah disse...

Querida descrevestes lindamente o que é o amor.O amor é tudo isto.É serenidade, é plenitude, é inquietude, é cor, é dor e é ardor.
Belo poema.Amei.Teu Blog lindo como sempre.
Bom final de semana.Bjs Eloah

regina ragazzi disse...

Que lindo poema. O amor inpirador de versos que são mesmo de pura poesia. Bj carinhoso.

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.