.

.

07 abril 2013

Se pudéssemos...



Se pudéssemos plantar palavras,
como se planta uma árvore,
tantos frutos invisíveis
contido sem seu silêncio,
tanta sombra ao meio-dia
em seu futuro,
palavras simples e quentes,
amor, pão, mel, encontro,
as sementes seriam aladas,
e o vento varreria o jardim,
então, pouco a pouco,
atravessando montanhas,
mares, cidades,
a paz cobriria o mundo.

Roseana Murray



3 comentários:

Agulheta disse...

Amiga Sonia.Se pudéssemos plantar palavras,elas ficariam na alma de quem as lê,mas a maioria das pessoas não gostam de palavras como sita o poema.
As fotos estão lindas como sempre por aqui.Beijinhos

Kotta1947 disse...

Lindas as fotos de uma calma invulgar
Abraço

Eloah disse...

Querida as nossa maneira estamos plantando palavras.Colocamos nossos sentimentos a luz do mundo.
Fotos maravilhosas de nossa ilha sem par.Teu neto uma graça.
Bjs Eloah

Quem sou eu

Minha foto
Gaúcha, nos pampas nascida Um grande sonho acalentei Morar numa ilha encantada Cheia de bruxas e fadas. Nessa terra cheia de graça Onde se juntam todas as raças, Minha ilha lança ao poente O azul espelhado da lagoa, O verde silêncio das montanhas, O rumorejar de um mar azul Que beija apaixonado a areia da Minha ilha de renda poética. Não importa se há sol ou chuva, A mágica ilha é sempre azul, Fica gravada na alma e Quem aqui vem sempre vai voltar, Para descobrir novos caminhos, Novos destinos, pois Esta magia nunca irá acabar.

.

.